Barcelona faz três no Liverpool com show de Messi e se aproxima da final - PORTAL ANGÉLICA - Seu Portal de Notícias

22º min
32º min


Barcelona faz três no Liverpool com show de Messi e se aproxima da final

Publicado em: 01/05/2019 às 17h54

- gazeta esportiva

600 vezes Lionel Messi pelo Barcelona. Com o argentino inspirado, as coisas ficam mais fáceis para qualquer equipe. Na tarde desta quarta-feira, no Camp Nou, o Barça venceu o Liverpool por 3 a 0, com gols de Suárez e dois do camisa 10, deixando a equipe catalã próxima da final da Liga dos Campeões. Apesar de um jogo equilibrado, especialmente no segundo tempo com os Reds martelando, coube ao gênio resolver a parada e encaminhar a classificação do time.

No primeiro tempo, a partida foi igual, com chances para os dois lados. Em compensação, os ingleses pressionaram muito na etapa final, criaram chances. Porém, de tanto desperdiçarem, foram castigados por Lionel Messi e se complicaram na Champions.

Com o resultado, os comandados de Ernesto Valverde podem perder por até dois gols de diferença. Caso o placar do Camp Nou se repita na Inglaterra a favor do Liverpool, a partida vai para a prorrogação. O jogo em Anfield será na terça-feira, às 16h00 (horário de Brasília).

Já campeão espanhol, os catalães voltam a campo no sábado contra o Celta, às 15h45 (horário de Brasília). Brigando pelo título inglês, os Reds pegam o Newcastle no domingo.

Jogo equilibrado, mas com Barça na frente

O começo de partida no Camp Nou foi movimentado, com as duas equipes buscando o gol. Aos quatro, Mané recebeu da esquerda, ganhou de Piqué, invadiu a área e caiu. O árbitro mandou seguir o lance. Mesmo jogando fora de casa, o Liverpool era melhor.

Aos poucos, o Barça começava a se impor. A primeira finalização perigosa da equipe foi com Coutinho, da entrada da área pela meia esquerda. Bem posicionado, Alisson defendeu. Na sequência, Messi serviu o brasileiro, que tentou cruzado, mas a bola foi pela linha de fundo.

Quando a partida estava muito parelha, prevaleceu a falha grave de Matip. Jordi Alba recebeu da esquerda e deu um passe para Suárez. Após o zagueiro alemão bobear, o atacante uruguaio escorou como um legítimo centroavante e abriu o placar, marcando o gol de número 500 do clube na Champions.

Apesar do placar adverso, os ingleses jogavam bem, mas pecavam nos espaços deixados para o rival. Aos 34 minutos, os Reds tiveram uma chance clara de gol. Henderson deu lindo passe para Mané. Contudo, o senegalês pegou mal na bola e mandou por cima de Ter Stegen, perdendo a chance mais clara do confronto a favor dos visitantes.

Liverpool cansa de perder gols e Messi define a vitória do Barcelona

No início da etapa final, o Liverpool voltou com tudo e por pouco não empatou. Salah fez bela jogada e rolou para Wijnaldum, que ajeitou para Milner. O camisa 7 bateu colocado, mas Ter Stegen, de mão trocada, mandou para escanteio.

Os Reds continuavam melhores no segundo tempo. Aos sete minutos, Salah recebeu da direita, trouxe para dentro e bateu. Ter Stegen fez mais uma bela defesa, salvando o time mandante. Praticamente na sequência, Milner finalizou da entrada da área. Mais uma vez, o goleiro alemão defendeu, segurando firme.

O Barça, por sua vez, pouco criava. Os ingleses optavam por marcar alto e isolar Messi. Dessa forma, o time conseguia pressionar o rival, e pagou com a máxima do futebol: quem não faz, toma. Messi acionou Suárez, que na cara do gol, parou no travessão. No rebote, o argentino teve a sorte de pegar o rebote e mandar para o fundo das redes.

E não é que caberia mais um para o argentino? Aos 37 minutos, cobrança de falta magistral, no ângulo, indefensável para Alisson, decretando a vitória por 3 a 0 e marcando o gol de número 600 pelo clube.