Sua cidade cresceu? 11 municípios de MS tiveram queda na população em um ano, segundo IBGE - PORTAL ANGÉLICA - Seu Portal de Notícias

22º min
35º min


Sua cidade cresceu? 11 municípios de MS tiveram queda na população em um ano, segundo IBGE

Novo Horizonte do Sul registrou a maior perda de população no Estado

Publicado em: 28/08/2019 às 16h51

- midiamax

(Marcos Ermínio,Midiamax)

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou na manhã desta quarta-feira (28) as cidades de Mato Grosso do Sul que registraram a maior perda de população no último ano. A cidade de Novo Horizonte do Sul, distante a 320 quilômetros de Campo Grande, lidera o ranking de perdas com queda acentuada de 3,4% da população.

Os outros dez municípios que aparecem no levantamento do instituto são: Camapuã, Brasilândia, Glória de Dourados, Jateí, Sete Quedas, Inocência, Fátima do Sul, Bandeirantes, Guia Lopes da Laguna e Nioaque.

De acordo com o IBGE, Camapuã foi a cidade que registrou a menor perda de população entre o ano de 2018 e 2019, tendo queda de 0,1% no seu número atual de habitantes.

O instituto ainda divulgou qual é o município com menor número de habitantes de Mato Grosso do Sul. Com 3.051 habitantes, Figueirão, distante a 265 quilômetros da Capital, é o menor município do Estado quando o assunto é quantidade de moradores.

Somando todos os 79 municípios do Estado, Mato Grosso do Sul tem uma população estimada de 2.778.986 milhões de pessoas. Somos o quarto estado da região Centro-Oeste em tamanho de população. Campo Grande é a 15ª capital brasileira em quantidade populacional com 895.982 mil habitantes.

Para chegar ao número estimado de moradores das cidades, o IBGE usou os mesmos parâmetros do Tribunal de Contas da União no cálculo do Fundo de Participação de Estados e Municípios. Os levantamentos matemáticos de estimativas também levam em conta os Censos Demográficos dos anos de 2000 até 2010.

Confira abaixo a tabela com a estimativa da população de cada cidade de Mato Grosso do Sul:

(Divulgação/IBGE)

Colaborou Aliny Mary Dias