Mãe e filha passam por humilhação em supermercado em Nova Andradina

Fato aconteceu na manhã deste domingo (30)


Vítimas, filha de 21 anos e mãe de 49 anos, registraram um boletim de ocorrência neste domingo (30), contra o supermercado Abevê de Nova Andradina por calúnia. Fato aconteceu dentro do supermercado por volta das 10h30 durante compras.

Conforme ocorrência policial, as vítimas estavam fazendo compras no estabelecimento comercial e assim que pagaram suas mercadorias e se retirarem para a porta de saída, foram abordadas por dois funcionários do supermercado, aparentando serem seguranças, de 22 e 27 anos.

Na abordagem os seguranças disseram que o sistema de câmeras do local havia flagrado as vítimas furtando mercadorias do estabelecimento e que a central de segurança de Dourados havia identificado pelo sistema que o produto do furto teria sido depositado na bolsa da mãe.

Exigido que abrissem a bolsa e as sacolas que portavam e, após compararam as mercadorias com as notas de compras, sendo que certificaram que estava tudo de acordo com o que compraram e pagaram.

No boletim de ocorrência descreve que a abordagem aconteceu em área comum do estabelecimento, às vistas de outros clientes e de funcionários do local.

As vítimas indignadas com tal acusação, retornaram ao caixa do supermercado e devolveram as mercadorias compradas.

Os seguranças pediram desculpas, mas segundo as vítimas, a humilhação foi tremenda e certamente está no sistema de câmeras do estabelecimento. Ainda as vítimas relataram que eles devem ter feito isto porque são negras, eles não tinham outro motivo.

Reportagem tentou contato com o supermercado, mas não atenderam as ligações.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE