Com morte de jovem de 17 anos sem comorbidades, MS tem mais 38 mortes e 1,2 mil novos infectados pela covid-19

Adolescente de 17 anos não tinha relato de qualquer doença pré-existente

| MIDIAMAX


Ala de unidade de Saúde de Campo Grande para pacientes com suspeita de covid-19 - Leonardo de França/Arquivo Midiamax

Mais 38 pessoas morreram em decorrência da covid-19 em Mato Grosso do Sul, segundo boletim de hoje (20) da SES (Secretaria de Estado de Saúde). O informativo também confirmou mais 1.248 infecções pela doença nas últimas 24 horas.

Entre os novos óbitos está o de uma adolescente de 17 anos, de Selvíria, sem comorbidades relatadas. Já Campo Grande responde por 19 vidas perdidas, de pessoas com entre 31 e 89 anos. Com os óbitos, Mato Grosso do Sul já registra 7.805 mortes por covid-19.

Das novas contaminações relatadas, 602 casos são de Campo Grande. Três Lagoas registrou 94 novos infectados, ao passo que Dourados confirmou mais 59 doentes. Ao todo, o Estado já soma 323.693 casos confirmados de novo coronavírus. Vale lembrar que os dados fornecidos no fim de semana costumam apresentar diferenças entre o divulgado e os números reais.

Os índices de ocupação de leitos se mantêm acima da capacidade dos hospitais. A taxa é de 102% nos leitos públicos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva). A ocupação global de camas para pacientes graves - entre exclusivos covid e demais - chega a 103% na macrorregião de Campo Grande. Dourados e Corumbá têm taxas de 93%, e Três Lagoas, de 91%.

De acordo com a SES, 1.067 pacientes da covid-19 estão hospitalizados. Destes, 540 em UTIs. Outros 15.362 infectados cumprem isolamento em casa. Os laboratórios têm 4.512 amostras de exames em análise. Outros 6.391 casos suspeitos ainda carecem de encerramento pelas secretarias municipais de Saúde.

Veja aqui o boletim completo.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE