Justiça decreta prisão preventiva a acusado de agredir idosa em Nova Andradina

Pedido foi feito pela Delegada Daniella Oliveira Nunes


Após prisão realizada por policiais da Força Tática do 8º Batalhão de Polícia Militar de Nova Andradina, de Rogério Aparecido de Araújo Alves de 27 anos, vulgo Rogerinho, natural de Batayporã, acusado de assaltar e agredir uma idosa de 90 anos, teve prisão preventiva deferida pelo Poder Judiciário de Nova Andradina. Pedido foi representado pela Delegada de Plantão, Dra. Daniella Oliveira Nunes, da Delegacia de Polícia Civil.

Leia também

>> Força Tática prende acusado de assaltar e agredir idosa em Nova Andradina

>> Idosa volta a ter casa invadida por assaltante em Nova Andradina

>> Idosa tem casa invadida por assaltante em Nova Andradina

Conforme a Delegada, o suspeito foi enquadrado no roubo majorado pelo concurso de pessoas. Após relatar os fatos, encaminhou o pedido ao Fórum da Comarca local e com anuência do MPE (Ministério Público Estadual), o pedido foi deferido.

Rogerinho continua preso e deve seguir ainda esta semana para o presídio local, onde ficará a disposição da Justiça.

Prisão

Desde a hora em que ocorreram os fatos, equipe da Força Tática realizou diligências ininterruptas até localizar o suspeito, que estava seguindo pela rodovia no sentido a Batayporã. Assim que a equipe teve as informações, conseguir prendê-lo no pátio do Posto Tigrão, às margens da MS-276, saída para Anaurilândia.

Camiseta com manchas de sangue que ele usou no momento do delito - Foto: Luis Gustavo/Jornal da Nova

No momento da abordagem o rapaz já assumiu a prática do crime, dando detalhes de seu modus operandi para cometer o delito.

Aos policiais o rapaz disse onde estaria a camiseta usada na hora do crime, que foi encontrada em sua casa ainda suja de sangue.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE